8 de julho de 2011

Dias longos

Tem dias, quando as coisas não dão certo, que você pode se dar ao luxo de chorar. Mas tem dia que você não acorda bem e só quer que o dia passe rápido. Quer que tudo dê certo pra poder voltar pra "casa" logo, deitar na cama e fingir que tudo não passou de um sonho. Mas não é assim que acontece, além das coisas não darem certo, as pessoas também não ajudam, elas reclamam, brigam, irritam, simplismente não cooperam. Você quer fazer algo nesses dias? Prepare se para oposição. Você quer tentar ficar de bem? Esteja atento, pois você será testado até pecar. Você insiste em não discutir e as pessoas não vão respeitar seu espaço, sabe, tudo que você vai querer é um bom motivo pra não sair do sério, por que você sabe que se sair do sério, você fará um estrago. Falará coisas que não valem à pena mencionar agora, e nem depois! Nesses dias você deseja ficar trancado no quarto por dois motivos óbvios: um proteger se d si mesmo, dois proteger os outro de você. Mas o mundo não vai esperar você recuperar o seu jogo de cintura. Na verdad o mundo não está muito interessado no seu problema, e não vai ser amável com você. Por isso as pessoas não tem tudo que merecem( GRAÇAS A DEUS, PORQUE ANDO MERECENDO UM SOCO NO NARIZ). Você merecia ficar trancado com sua fera hoje, mas teve que ir à luta (todo navio precisa de um capitão). É uma coisa injusta. Não sabemos se mandamos a fera ir pastar, e a calamos, ou se a usamos p matar os leões da vida. É o King Kong x TRex. Na verdade nesse dia você será mais cobrado do que nunca, você precisará ser social, radiante, comunicativo, pontual e precisará fechar um negócio. O dia está sendo longo, mais do que deveria, você não sabe se sobreviverá a você mesmo, como seguir em frente tendo um dia desses? Nesse dia você se fará esta pergunta e se tiver oportunidade fará1outra: "posso gritar agora?'' A sua fera interior não vai querer ser domada, a fera vai te rasgar por dentro, você vai sentir seu coração se rasgando em dois, e se você deixar ela virá à tona, e feia do jeito que é, ela tornará tudo num tom de cinza escuro. Chatiante não acha? Eu já tive dias assim, hoje é um dia assim, houve dias em que deixei a fera tomar conta, porque há pessoas, não todas, que merecem que as coisas esquentem, merecem que esclareçamos algumas coisas, e há situações que merecem ficar do jeito que estão, mas em fim, houve dias em que resolvi não machucar ninguém, porque, bem ou mal, soltar a fera ainda é uma questão de escolha, além de ser um risco, porque ela é irracional, fere sem ver. hoje é um dia clássico. Em outras ocasiões, primeiro eu senti pena de mim e lamentei a desconsideração das pessoas, afinal: "eu sempre sou compreensível, amável, estou sempre cuidando dos outros, sorrindo, doando. Porque eu não posso ter o meu momento? Onde as pessoas me servem?'' Resolvi apenas olhas o mar e deixar a fera começar o seu discurso, bem calada. Bem trancada e bem domada.
Postar um comentário