14 de julho de 2013

Amor & Amor




Existe amor perfeito? Existe amor pra sempre? Existe amor igual? Eu não sei. Você sabe? Eu acredito que cada um tem o amor que merece ter. Não que eu seja pessimista, por que não sou. É tudo uma questão de escolha, não é? Cada um ama na medida que pode, na medida que dá, na medida que seus traumas e suas belezas permitem. E cada um aceita o amor da maneira que aprendeu com a vida. Tem gente que ama e sempre acha que vai ser abandonada, tem gente que ama pelas metades e o outro aceita numa boa, tem gente que ama só aquilo que pode tocar e nem por isso merece ser julgado. O fato é, nem sempre as pessoas que te amam vão te abandonar, nem sempre as pessoas que amam você vão reclamar que você ama pouco.. por que amor.. amor é uma coisa que vem de dentro sabe, não dá pra medir, ... E dá pra saber que é amor quando você olha pra pessoa e o sorriso dela abre pra você, ou quando vocês mesmo brigados, ainda mantêm aqueles olhares brilhantes um pro outro.. A gente sabe que é amor quando a gente briga e sabe que no fim do dia a pessoa vai estar lá; esperando. E que você pode dormir nos braços dela seguro, por que quando acordar ela ainda vai estar lá. Você reconhece o amor quando ele muda você.. Não. Mudar não é a palavra.. Você reconhece o amor quando você sente que pode ser um pouco melhor; por que a outra pessoa alí do seu lado, deixou seu lado mais bonito, muito mais interessante. Acho que isso explica uma teoria engraçada.. Quando você está com alguém todo mundo se interessa por você.. A grande verdade é que: é melhor serem dois do que um. Por que o amor consegue sustentar todas as coisas. Famílias se constroem, amizades são feitas, sorrisos são doados e tudo fica bonito. Não se trata de romantismo barato. É uma vida inteira.Enfim, continuo sem saber se existem amores perfeitos, e etc e tal, mas o que importa? O importante é ter amor na vida.




Juliane Schimel de Magalhães.
Postar um comentário