24 de agosto de 2013

Crônicas de um sábado de sol & ROMANCE

Descobri uma coisa que todo mundo já sabia, mas, que ninguém comentava.. vou comentar... Todo mundo nessa vida é romântico. Quem diz que não, mente. Mente desavergonhadamente (nota mental: não sei se essa palavra existe de fato). Quem ouve love metal e dá a desculpa que é rock, quem ouve rock pesado com letra melosa, quem veste rosa.. quem veste preto, quem veste couture, quem fuma cigarros feitos em cuba, quem ouve o funk da anitta, quem paga no débito do cartão de crédito.. tudo um bando de românticos...
O romance é um jeito "óculos cor de rosa" de levar a vida. Não que isso seja ruim, desde que não te leve pro mundo da lua; não que este texto seja totalmente e potencialmente didático... é que eu fico mal sabe.. ai eu fico mal quando alguém me diz que eu sou a última romântica... e o Roberto Carlos minha gente? E "esse cara sou eu"??? Como eles ficam?? Coitado do cara, nem tem nome.. não disseram pro cara da música que a sociedade capitalista também era mentirosamente anti- romântica. Está aí o ponto da questão. Vou me tornar ativista romântica... isso tá meio hippie anos 70 né? #pazeamor ... embora a vida ande meio guerra e paz.. esquece a ideia ativista.
Não posso comprar uma mochila rosa? Não posso usar unhas pretas e batom rosa, não posso comer chocolate sorrindo, aliás, não posso sorrir demais.. isso tudo é sinal de que sou romântica? Ah.. acho que não hein.. O ROMANTISMO é um movimento artístico, político e filosófico, pra quem não sabe, surgiu na Europa, (só podia!), e a galera se amarrava na hora de discutir contra o racionalismo..
Sabe... acho que o mundo precisa de uma revolução novamente.. contra esse racionalismo tão hipócrita, contra essa forma social de ver a vida como se ela fosse só pedra, só recalque, só dor...
Acho que as pessoas precisam valorizar mais a sua forma de fazer arte, de buscar um sentido, não irreal, mas, mais leve, com formas mais práticas e menos drásticas de lidar com tudo.
Hoje eu estou subjetiva.. então...
UM BRINDE A SUBJETIVIDADE ROMÂNTICA DA VIDA!!!

Bjus Jub's — em Paris.
Postar um comentário