8 de abril de 2015

Felicidade

A felicidade é um prato que se come cru!!! Pausa para gargalhadas: hahahahahahahaha. Gargalhada escandalosa, sonora e que vem direto do fígado! Já dizia aquele velho sábio, sabe quem é? É, ninguém sabe. Mas já dizia o velho sábio que você sabe que está feliz de verdade, quando seu fígado sorri. Eu não sei se é verdade mas ele é sábio e a barriga de todo mundo balança quando surge aquela gargalhada de felicidade, e não encolha a barriga, Deus tá vendo. Eu disse que a felicidade é um prato que se come cru não é? Pois bem, sou louca só um pouquinho(disso todo mundo sabe),vou explicar. Eu imaginei que estar feliz é como comer flores, dá pra comer orquídea? E margarida? Eu não sei. Mas quando estamos felizes, não parece que engolimos flores, buquês inteiros, jardins? Que gulosa!! Aí as flores, elas fazem cócegas no fígado, e surge A Gargalhada. Taí minha teoria. Você faz o que te faz feliz? Tem gente que só engole sapo, que nojento, tome tenência! Tem gente que só descasca abacaxi, que vergonha tenha mais paixão, ainda tem gente que só finge ser feliz, que falso deve comer cadarço(foi o que rimou).. e procura daqui, procura de lá(cuidado com a cuca, ela vai te pegar!), e procura no beco sem saída, no pântano perdido, no castelo do vampiro, no copo de bebida, naquela pessoa que não te quer, no emprego que não valoriza seu talento, na faculdade que escolheram por você, na vida que você não pediu pra Deus, e isso é ser feliz? Eu falo mesmo, quem ler, que leia. As pessoas deveriam se envergonhar por não sorrir, deveriam se envergonhar por não serem felizes, ao invés disso, se envergonham das suas aparências bobas. Deixa eu dizer o que o sábio disse, ele disse que a beleza acaba e na morte, não levaremos nada. Vamos comer salada de flores. A felicidade é uma escolha sofisticada. Ouça garota, nenhum cara de Nova Orleans pode te fazer feliz, mas se você ouve o som do jazz e do blues, saia pra rua e venha dançar! É mais menos assim. Então você acorda pela manhã e se faça uma afirmação e uma pergunta muito sérias por sinal,(essa pergunta é de direitos autorais do meu pai, um cara sábio):
"Lá no alto daquele moro tem um pé de goiabeira. Quem roubou minha bicicleta?"
E não tem como não rir de si mesmo. Com remela nos olhos e tudo! Ria de si mesmo durante o dia, diga mais obrigado, abrace alguém, seja abraçado, sorria pra meninha com a cara suja de sorvete, acene pro Manel da padaria, dê um beijo de língua! Kkkk Mas pelo amor de Deus, todo dia e toda hora, não se esqueça de ser feliz. A felicidade é um prato que se come cru, porque ela é uma vingança contra a tristeza. Essa teoria é mesmo minha, sou possessiva rsrsrs. Tem gente que tem aqueles "sorriso" que para o trânsito, tem gente que só tem um atacante, mas quando ri, contagia até o Pelé(sei lá porque falei do Pelé), fique perto de pessoas assim, se embriague delas e se elas chorarem, chore também, mas conte uma piada depois. Faz parte da vida sabe, ser feliz, feliz com pouco ou com muito, você vai me dizer:"olha a louca, ela não sabe o que enfrento." Vamos conversar cinco minutos, vamos ali, ali no cantinho. Eu estou hahahaha com meu fígado. Só pra você entender,escolher é o maior presente que você poderia ter recebido na sua vida inteirinha, não podemos desperdiçar isso como se ontem e hoje fossem iguais. O passado passou, eis o presente. Você pode escolher ser tudo que você escolher ser. Agora uma última perguntinha: Você tá hahahaha com o seu fígado? Deixa eu ir pra tentar achar minha bicicleta!
Postar um comentário