13 de agosto de 2015

Mundo chatice

O mundo ficou chato. Hoje em dia chove regra, tem regra até pro tipo de cortina que eu devo usar na minha pia. Eu já disse que até hoje eu não consigo me decidir nem sobre qual shampoo usar? A verdade é que agora eu nem tenho muito cabelo, mas na época boa, era uma juba armada kkk. Gente, e todo mundo complica tudo. Lembro de ter me relacionado com pessoas que nem deveriam viver em sociedade. Sabe, gente ruim mesmo, tipo vilão de novela mexicana. Existe. Tem muita Paola Bracho por ai, e muito homem fingindo ser príncipe encantado kkkkk. Eu hoje em dia, fico rindo. Por que tem um protótipo não é? A pessoa tem que ser 100% boa e tem que arrotar isso, pra todo mundo condecorar dizendo: "nooossaaaaa, é uma santidade na terra." O fato mesmo, é que não existe gente 100% boa, isso é loucura, gente que parece mui boazinha e fala isso aos quatro ventos, tem probleminha. Eu defendo meus defeitos. Eu sou chata, sou impossível, sou geniosa, carne de pescoço, mas é isso que equilibra a bondade. É uma coisa genuína. Agora caráter, honra e blábláblá, isso é oportunidade. Você usa quando tem a oportunidade, ou não. Ah gente, hoje em dia todo mundo tem muita auto estima. Ficou chato, pedante, você tem que ser a melhor amiga, tem que bajular, tem que correr atrás e se esforçar tanto, por algo que deveria ser natural, dai tem aquela maratona por ser o melhor nas críticas, porque hoje em dia todo mundo é jornalista, e especial, e tem que ser sempre bonita, o diferente é feio, e se alguém não corresponde suas expectativas, fica fácil descartar, por a vida se tornou descartável. A gente trai, engana, machuca, e que se dane, o livro disse que eu posso, e na TV é super normal. Se você tem uma qualidade, isso faz de você alguém especial. Sério, alguém tem que escrever um livro de auto ajuda que ajude as pessoas a serem menos, menos é mais, gente. Olha, ta muito chato. Onde reseta? E ai, nossa, reli o paragrafo ali em cima, vai ter uma galera dizendo que eu mandei indireta, nem mandei. Foi direta mesmo. O que eu quero dizer, é que eu sou careta mesmo. Eu não justifico um erro meu, usando o erro que alguém cometeu comigo ou com um erro de alguém aleatório. Eu eu acredito que faltem seres humanos no mundo. Fidelidade, devoção, honra, bondade, cadê? Olha, não to falando de ninguém, to pensando em letras, apenas, e falando de mim. Tem gente tão bonita por aí, até hoje eu não entendi por que se prestam a uns papéis tão chulos. Enfim, fica a reflexão, eu vou na farmácia pesquisar uns shampoos pro meu cabelo. Bjus.
Por que no fim do dia, o côcô de todo mundo é fedorento. 😊
Postar um comentário